Você já busca nas mídias sociais informações do seu concorrente para planejar as suas ações de Marketing, não é mesmo? E se você tivesse um ambiente de análise de concorrência com todos esses dados organizados? Você economizaria tempo, que poderia ser investido no desenvolvimento de estratégias de diferenciação de sua IES.

Quando sua IES monitora as mídias sociais dos seus concorrentes, você pode ir além em seu Planejamento de Marketing.

Com as informações coletadas, sua estratégia conseguirá alinhar os argumentos de diferenciação institucional, visando maximizar as forças da IES, diminuir a percepção de suas fraquezas (até que estas sejam sanadas), evitar as ameaças e aproveitar as oportunidades criadas.

Isso é possível, justamente pela percepção comparativa entre a qualidade de sua instituição e da sua concorrente, evitando conflitos desnecessários com o mercado e com seus prospects. Além disso, existe ainda a possibilidade de tangibilizar essas informações de forma estratégica.

Imagine esse cenário: sua concorrente cria uma campanha falando que tem a melhor infraestrutura da região, mas os alunos dela fazem uma série de reclamações sobre esse Indicador do Mercado (IDM). Se você estiver monitorando essa IES em seu ambiente de monitoramento de mídias sociais, poderá mensurar a percepção desses alunos e com isso, obter insights estratégicos, com bases nesses depoimentos, para criar uma campanha de Transferência Externa utilizando, exatamente, os pontos em que sua IES é melhor do que a concorrência.

Além disso, ao fazer uma Análise de Concorrência pelas mídias sociais, você pode trabalhar a captação de alunos para seu processo seletivo. Se existem candidatos questionando pontos específicos do sua concorrente, você pode usar essas informações e criar conteúdos que mostrem o quão boa sua IES é neste e em tantos outros indicadores. Caso eles não venham até sua fanpage, poderá fazer uma abordagem diferente e intervir com seu personagem social. Interessante, não é?

Mas vamos ao que importa! É essencial saber que dá para fazer tudo isso a partir da análise da concorrência, por meio das mídias sociais, não é mesmo? Mas o “X da questão” é saber o como, e é isso que explicarei para você nesse conteúdo. Veja:

  1. Análise de Concorrência pelas Mídias Sociais como ferramenta de Inteligência Competitiva
  2. Como captar novos alunos a partir da Análise de Concorrência?
  3. Como criar conteúdo estratégico para as suas fanpages a partir da Análise de Concorrência?
  4. Por que é importante investir na Análise de Concorrência pelas mídias sociais?

Aproveite esse conteúdo e amplie seus conhecimentos estratégicos aplicados ao Marketing Educacional.

Análise de Concorrência pelas Mídias Sociais como ferramenta de Inteligência Competitiva

inteligência coorporativa - análise de concorrência planeta y _py_5

Observar os movimentos das IES concorrentes nunca foi tão importante, não é mesmo? Afinal, o mercado educacional passa por um momento complicado, tanto na captação quanto na retenção de alunos. Escrevi sobre isso em 8 de março deste ano, em um post chamado “Não serão apenas 500 mil alunos a menos, se somarmos também os trancamentos”. Passados sete meses, este cenário não mudou em nada.

Os resultados dos intakes 2016.1 e 2016.2 foram menores que nos anos anteriores e isso fez com que as equipes de marketing das IES passassem a desenvolver estratégias e ações cirúrgicas para o planejamento de captação e retenção do intake 2017.1. Afinal, em muitas instituições privadas, foram diminuídos os investimentos em publicidade e as cobranças pelo ROI aumentaram.

Tudo isso fez com que os times estratégicos precisassem mudar sua postura, recorrendo às informações de Inteligência Competitiva (e nem todas as IES possuem, ainda, um setor de Inteligência Competitiva). Com essa opção é possível saber o que a concorrência está mudando em sua comunicação, as datas de seus eventos, para que não conflitam com as suas datas e também quais são as ideias principais, para que não se tornem repetitivas.

Imagine que você e sua equipe de marketing investiram horas e mais horas entre reuniões, análises orçamentárias e planejamento para a realização de um evento de  Captação de alunos. Escolheram as datas, o formato, os brindes e as atrações. Porém, ninguém lembrou de olhar o que a concorrência já fez, está fazendo ou fará. Possível resultado: existem dois ou mais eventos, em sua cidade ou microrregião, realizando exatamente a mesma estratégia, ou ainda, as estratégias são diferentes, mas acontecerão exatamente no mesmo dia/semana.

E agora? Há tempo a ser investido para uma mudança de planos?

Ao investir na Análise de Concorrência, como um dos indicadores do planejamento estratégico de Marketing da sua IES, será possível diminuir esse risco. Assim como fazemos estudos para que as datas das provas das outras Instituições ou de processos como o ENEM ou o ENADE, por exemplo, não se choquem com a nossa, as demais ações estratégicas precisam ter esse mesmo cuidado.

Se dividirmos a atenção do candidato nas principais ações da IES, faremos com que ele precise optar por um evento ou outro e isso pode diminuir a nossa audiência, o que, atualmente, não é recomendado.

Uma boa dica: use como referência eventos semelhantes que acontecem em regiões distintas (ex: se você for do sul, usar referência de instituições do norte, nordeste ou centro oeste). Sempre serão encontradas ideias boas que podem somar a suas ações e surgir como novidade na sua região.

Como captar novos alunos a partir da Análise de Concorrência?

planeta-y-analise-de-concorrencia-3Ao ficar de olho no que as instituições concorrentes estão fazendo, você poderá explorar os pontos fracos das outras IES, usando os pontos fortes de sua IES como uma oportunidade de diferenciação.

Por exemplo: a faculdade X fez uma ação em praça pública com bandeiras, cornetas e apitos. Ao invés de ser algo legal, todos se sentiram incomodados com a ação e reclamaram do barulho, sujeira e transtornos causados. Com a Análise de Concorrência você poderá pegar as inúmeras sugestões que surgiram nos comentários das publicações relacionadas a essa ação e criar uma campanha que promova a paz, o respeito e o bem-estar do público, por exemplo.

Mas tem que ser algo que realmente entregue Valor, para que sua comunicação de “transfira seu curso” ou “estude na faculdade Y” seja aceita como a melhor opção.

Crie conteúdos educativos, faça campanhas em seu ambiente digital, afinal a comunidade não curtiu a ação do concorrente, então a chance de sua ação ser disseminada com amplitude é bem maior.

Mas digamos que não houve nenhuma ação, só o que você identificou foram uma série de reclamações dos alunos da faculdade X sobre o aumento da taxa de estacionamento a ser paga no campus. Opa! Na sua IES o estacionamento é gratuito e sempre tem vagas sobrando, isso dá um ótimo conteúdo de atração.

E se os alunos da faculdade X estiverem reclamando da infraestrutura do curso de Engenharia Civil em uma comunidade ou grupo de estudantes de Engenharia do Estado? É hora de colocar o seu personagem social em ação e falar bem da sua infraestrutura, além de convidar para fazer um tour no seu campus ou para um bate-papo com o coordenador do curso.

Em todas as ações há a possibilidade de uma reação e você não precisa ser agressivo para passar uma mensagem, basta ser cordial e educado e aproveitar as oportunidades.

Como criar conteúdo estratégico para as suas fanpages a partir da Análise de Concorrência?

planeta y análise de concorrência 2

O conteúdo move o mundo digital. Não há engajamento sem conteúdo, não há rede social se o público não se relacionar e não há citações a serem monitoradas se não houver engajamento. Este é um processo cíclico.

Por meio do monitoramento das mídias sociais temos inúmeras informações sobre os gostos e os interesses do nosso público e através da Análise de Concorrência também! Afinal, o prospect é o mesmo, ele só escolheu a faculdade X ou Y por causa do discurso, do conteúdo ou de como as objeções foram trabalhadas.

Se você identificou, por meio da análise de concorrência, que a maior objeção dos prospects é relacionada a como pagar a faculdade e por isso eles escolheram outras IES e não a sua, você pode desenvolver conteúdos e ofertas sobre os tipos de financiamento que sua Instituição oferece, ou  ainda quais são as bolsas de pesquisa e iniciação científica, por exemplo. Assim, você pode começar a trabalhar a jornada de compra do candidato que está avaliando as alternativas.

Outra opção é desenvolver posts, para as páginas oficiais da sua IES nas mídias sociais, que falem sobre:

  • formas de financiamento;
  • possibilidades de desconto;
  • parcerias;
  • programas de estágio e vagas;
  • convênios com empresas.

Aos poucos, você conseguirá mostrar aos candidatos que é possível estudar em uma IES mais cara, que oferece mais qualidade ao seu alunado e serviços educacionais que valem a pena o investimento.

Um outro exemplo bem legal é relacionado ao seguinte: o que minha IES tem de bom que a concorrência peca na oferta? Os alunos da faculdade X reclamam, incansavelmente, que a biblioteca é fraca e defasada e, em contrapartida, sua IES tem a melhor infraestrutura de biblioteca da região, com acervo atualizado e muitos exemplares de cada livro considerados referência acadêmica. Mais um ponto para sua IES e mais um conteúdo que vale a pena ser trabalhado e disseminado.

A Análise de Concorrência nos proporciona inúmeras possibilidades a serem trabalhadas. Por isso é importante saber que o objetivo dela não é somente ter acesso ao que as outras instituições fazem, mas sim se o que eles falam que fazem é o que os alunos delas percebem – Qualidade Percebida x Qualidade Estimada -.

Por que é importante investir na Análise de Concorrência pelas mídias sociais?

planeta-y-analise-de-concorrencia-4Tudo o que discutimos até agora mostram e provam o quão importante é investir na Análise de Concorrência pelas mídias sociais, mas, em meio a tanta coisa, vamos resgatar o que trouxemos nesse conteúdo?

  • A Análise de Concorrência, realizada pelas mídias sociais, é importante para as ações de Marketing que a instituição está planejando. Assim, a probabilidade de criar algo que já existe, que conflitem em datas e acabem dividindo o público é bem menor.
  • É importante, também, para a captação de novos alunos, pois com ela é possível identificar as fraquezas da concorrência e usar isso a favor da sua IES. Neste ponto é possível criar ações que interfiram na decisão de compra, por meio do depoimento de quem já converteu em outra instituição. Uma ação de Transferência Externa ou com foco na próxima campanha poderá ser bem mais assertiva com essas informações.
  • Por meio da Análise de Concorrência é possível criar conteúdos direcionados a determinada ação, processo ou necessidade e assim trabalhar as objeções de venda, de acordo com a expectativa do prospect.

Espero que esse conteúdo tenha ajudado você. Se surgir alguma dúvida, podemos agendar um contato via Skype ou pessoalmente.

Um forte abraço!

Marcus Aquenaton: CEO – Planeta Y. Durante 15 anos atuei como gestor de marketing e comunicação no Ensino Superior. Passei por diversas universidades. Fiz parte de comitê de estratégia e inovação e palestrei em diversos eventos do mercado educacional brasileiro. Ao longo deste tempo, foram mais de 100 mil novos alunos captados, seja por meio de campanhas de vestibular, seja através de campanhas de relacionamento, do offline e eventos ao online e social media.