Quanto custa não investir no monitoramento de mídias sociais?

Home / Estratégia Digital / Quanto custa não investir no monitoramento de mídias sociais?

Quanto custa não investir no monitoramento de mídias sociais?

Observamos muitas pessoas com dúvidas sobre o as dificuldades de conseguir orçamento para investir no monitoramento de mídias sociais. Muito se discute o valor das ferramentas e se é valido utilizar o que é ofertado gratuitamente na internet. Para tentar esclarecer esse ponto, vamos explicar aqui tudo que você precisa pensar na hora de adquirir uma ferramenta e implantar o processo de monitoramento.

Pretendemos também te mostrar o que você deixa de ganhar ao optar por não monitorar, bem como as dificuldades que essa escolha proporcionaria na execução das ações para alcançar seus objetivos estratégicos.

Por que devo investir no monitoramento de mídias sociais?

A primeira questão a pensar é: “qual o meu objetivo com o monitoramento”? “Possuo uma estratégia real e documentada”? Perguntamos isso pois acreditamos que, se você não sabe exatamente o que pretende com o monitoramento, não vai conseguir compreender qual tipo de ferramenta serve para você.

Portanto, é preciso pensar em um plano de ação, com objetivos e o caminho que você pretende percorrer para alcançá-los.

Ebook Captação Planeta Y

SUPER MANUAL DE CAPTAÇÃO

Como captar mais alunos utilizando as redes sociais

Transforme os leads gerados e qualificados nas mídias sociais em alunos matriculados.

Listamos aqui alguns possíveis objetivos:

  • Conhecer meu público: nesse caso, o monitoramento servirá para saber o que esta sendo dito sobre sua IES nas mídias sociais, bem como identificar influenciadores e Capital Social.
  • Conhecer o processo de tomada de decisão do meu aluno: o monitoramento será utilizado para conhecer melhor o processo de tomada de decisão do meu aluno, identificando em qual fase ele está inserido e usando esses dados para criar estratégias de relacionamento, captação e conteúdo.
  • Captar novos alunos: o monitoramento vai ajudar a identificar oportunidades de captação, mostrando as pessoas que revelam querer estudar na minha Instituição ou sugerem estar em busca de um curso superior.
  • Analisar meu concorrente: que saber qual a percepção das pessoas sobre meus principais concorrentes, identificar oportunidades de captação deles e conhecer a saúde das marcas.
  • Relacionar melhor com meu público: o monitoramento vai servir para eu me relacionar melhor com meus alunos e prospects, identificando os melhores momentos para iniciar um diálogo, fazer atendimentos e implantar o processo de SAC 3.0.
  • Gerir crises: nesse caso, o monitoramento vai ajudar a prever ou identificar possíveis crises, me dando chance de agir antes que ela tenha um grande alcance.

Pronto. Essas são algumas das opções de objetivos que podemos querer alcançar com o monitoramento. Agora é preciso pensar sobre o caminho que você deverá percorrer para alcançá-los. Primeiro, nos investimentos:

1) Pessoas

É necessário investir em um analista de mídia social para ficar responsável pelo monitoramento. Muitos dados são gerados nesse processo e, por isso, é fundamental ter alguém analisando esses dados, encaminhando-os, respondendo demandas, gerando relatórios e conteúdos baseados neles.

2) Processos

A criação de um processo interno para o monitoramento também é importante. Para implantá-lo, o investimento necessário não é só em pessoas, mas também no tempo delas. Isso também deverá ser avaliado.

3) Tecnologia

Vai ser preciso investir em tecnologia para dar suporte a esse novo processo que esta sendo implantado. Uma boa ferramenta de monitoramento poderá auxiliá-lo e poupá-lo de algumas questões que podem atrapalhar o alcance dos seus objetivos.
Listamos nesse post 6 fatores que você deve levar em consideração na hora de escolher uma ferramenta de monitoramento.

investir no monitoramento
Após fazer todos esses cálculos de investimento, você pode se perguntar:

E se eu não investir no monitoramento de mídias sociais?

O que eu deixo de ganhar? Nós respondemos: muito! Deixando de monitorar, você poderá deixar de atingir os objetivos listados acima. Vamos te mostrar aqui o longo caminho que você deverá percorrer se NÃO INVESTIR monitoramento:

  • Conhecer meu público: se você não tiver uma ferramenta de monitoramento, você terá que contar com uma empresa de pesquisa de mercado para conhecer o seu público. Além de um custo alto, há ainda o fator tempo: essas pesquisas podem demorar meses para serem entregues. Uma outra opção é você fazer uma análise manual das pessoas que curtem sua página: você/seu analista tem tempo para isso?
  • Conhecer o processo de tomada de decisão do meu aluno: sem investir no monitoramento, esse objetivo também só seria alcançado por meio de pesquisa de mercado, com todas as dificuldades citadas no tópico anterior.
  • Captar novos alunos: sem monitorar, o trabalho de captação de alunos nas mídias sociais seria passivo. Isso significa que você só conseguiria identificar alunos interessados na sua IES se esses te procurassem, marcassem sua página ou deixassem uma mensagem para você. O máximo que você poderia fazer era uma busca manual, o que torna essa ação muito complicada ao pensarmos na infinidade de informação gerada por minuto nesse meio digital.
    Você deixaria de identificar quando um prospect pede a opinião dos colegas sobre sua IES; quando diz que está em dúvida entre a sua IES e sua concorrente; deixaria de visualizar o post do prospect dizendo que esta estudando muito para seu vest, etc.
  • Analisar meu concorrente: aqui, você também precisaria contratar uma empresa de pesquisa. Ou seja, além do custo para analisar a sua marca, você teria que pagar também pela análise das principais IES concorrentes. Uma análise não-automatizada de cada uma das marcas também poderia ser feita, impactando no custo de hora trabalhada do analista.
  • Relacionar melhor com meu público: ao optar por não monitorar, você só conseguirá se relacionar com o aluno que falar diretamente com você. Aqueles que citam a sua marca de alguma forma, porém não postam na sua página institucional ou não fazem marcação, não serão identificados.
  • Gerir crises: nesse caso, a única forma que você terá de identificar uma crise seria se alguém ficasse sabendo de algo e te contasse. Sem o monitoramento, você não terá como saber o que estão falando na sua marca na internet. E aí, quando a informação chegar para você de outra forma, a crise já pode ter tomado um alcance muito grande e a reputação da sua marca já pode ter sido prejudicada sem ao menos sua IES ter tido a chance de se posicionar.

Viu como o caminho sem investir no monitoramento é mais difícil? Nós acreditamos que o monitoramento de marca tem um custo baixo se formos pensar nos benefícios proporcionados. É difícil pensarmos em estratégia de marketing sem considerar a internet e as mídias sociais. E se torna mais difícil ainda pensarmos em ações digitais sem o monitoramento.

Reflita e conte conosco para o que precisar!

Equipe Planeta Y
Equipe Planeta Y
Sempre de olho no que acontece nas Redes Sociais, nossa equipe de especialistas digitais traz para você os novos insights em estratégia para mídias sociais, direcionadas para o Mercado Educacional.
Textos recentes
Comments
pingbacks / trackbacks

Deixar um comentário:

Comece a digitar e aperte Enter para buscar

convencer seu gestor